Como cada deputado do Piauí votou na proposta que libera a terceirização em qualquer ramo de atividade

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira (22), o projeto de Lei 4302/98, que trata sobre a terceirização nas empresas privadas e de parte do setor público. O projeto foi aprovado com 231 votos favoráveis, 188 contrários e 8 abstenções.

Do Piauí participaram da votação 8 deputados dos 10 que foram eleitos em 2014, dos 8 que votaram no projeto 7 foram favoráveis a aprovação e apenas um votou pela rejeição da matéria. Como o projeto foi aprovado, ele segue agora para sanção pelo presidente Michel Temer. Confira abaixo como votou cada deputado!

Piauí (PI)
Assis CarvalhoPTNão
Átila LiraPSBSim
Iracema PortellaPPSim
Júlio CesarPSDSim
Maia FilhoPPSim
Paes LandimPTBSim
Rodrigo MartinsPSBSim
Silas FreirePRSim
Total Piauí: 8
O QUE PREVÊ O PROJETO

ATIVIDADE FIM: A terceirização poderá ser aplicada a qualquer atividade da empresa. Por exemplo: uma escola poderá terceirizar faxineiros (atividade-meio) e professores (atividade-fim).

DIREITOS TRABALHISTAS: O projeto cria a responsabilidade subsidiária: em caso de não pagamento dos direitos trabalhistas, o trabalhador precisará primeiro acionar na Justiça a empresa prestadora de serviço e, só depois, caso não consiga receber, poderá processar a empresa contratante.

TEMPORÁRIO: O prazo máximo do contrato temporário foi ampliado de 90 para 180 dias.

INTERVALO: Após o término do contrato, o trabalhador temporário só poderá prestar novamente o mesmo tipo de serviço à empresa após esperar três meses.
Postagem anterior
Próxima postagem
Notícias Relacionadas

Um comentário:

  1. Que o povo de Elesbão Veloso e do Piaui não esqueça o nome desses traidores, e nunca mais vote nesses corruptos.

    ResponderExcluir